Advento

A história dos Calendários do Advento remonta à Alemanha protestante do séc. XIX.

O período do Advento, antigamente estipulado entre o domingo 4 semanas antes do Natal e o dia 25, é considerada uma época de reflexão e recolhimento interior,  mas a verdade é que nas crianças a proximidade do natal tem um efeito inverso e a excitação e alegria vão crescendo de dia para dia.

Começaram então as famílias alemãs a fazer um risco de giz nas ombreiras das portas, por cada dia que passava até ao Natal, para ajudar as crianças a fazerem uma contagem regressiva até ao grande dia.

Da tradição alemã, muito provavelmente contemporânea com os nossos pinheiros de natal, nasceram os primeiros Calendários do Advento – objectos com 24 ou 25 janelinhas, que eram abertas ao ritmo de uma por dia, cada uma com ilustrações alusivas ao Natal.

O conceito das janelinhas evoluiu, e ainda no séc. XIX apareceram os Calendários do Advento com bolsas ou gavetas  onde se colocavam pequenos enfeites de natal, brinquedos ou guloseimas.

A tradição ainda se mantém viva na Alemanha e um pouco por todos os países do norte da Europa.

Ainda da Alemanha, são originários os mais belos Calendários do Advento e até as “cidades-advento”, como Gegenbach (para quem quiser lá ir há mais informação aqui) e Dresden.

Cá em casa  não temos nenhuma tradição nem familiares alemães, mas lembro-me da presença dos calendários do advento nos natais da minha infância. Por isso resolvi fazê-los desde sempre para os meus filhos.

Há 3 anos atrás, os meus calendários do Advento, em forma de árvore de natal, saltaram a barreira virtual e instalaram-se em outras casas, o que me deixa muito feliz.

Este ano não tenho possibilidade de os fazer em maior número, mas aqui fica o primeiro de 3:

A cada dia corresponde uma bolsa e a contagem começa na base do pinheiro até à “estrela” no topo. Este foi feito com tecidos da magnífica colecção “winter wonder” em tons de verde, e está disponível na loja.

Para ajudar a contar os dias, e fugir à tentação fácil do binómio goluseimas/brinquedos, aqui fica a lista de sugestões de actividades, que criei no ano passado.

Anúncios

3 thoughts on “Advento

  1. pois estas tradições de natal são muito giras e altamente participativas durante um mês, coisa que em portugal, acho eu, se traduz quase e somente em publicidade consumista. outra dessas tradições, pelo menos na áustria vê-se muito, são as coroas de advento. coroas feitas de pinhas e ramadas de pinheiro, com 4 velas, cada uma simbolizando o domingo de advento. cada semana acede-se uma até chegar ao último domingo. em muitos lares a árvore de natal só é montada no dia 24 de dezembro sendo finalizada perto da meia-noite. há também uma figura, mitológia talvez, chamada Krampus, que a par de São Nicolau, no dia 5 de Dezembro, sai às ruas e com uma vassoura anda a assustar a pequenada!! Passei por essas experiências em criança e garanto que não há como passar assim o Natal!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s