remendar

há coisas que não valem a pena ser remendadas, mais vale dar-lhes outra vida, outro destino, outra utilidade.

foi o que pensei quando vi as calças rasgadas da minha filha. o rasgão era demasiado grande e feio, mais valia cortá-las por ali e fazer uns calções, uma vez que as calças ainda lhe serviam bem, e os calções de ganga que lhe sobraram do verão já não vão servir para o ano.

mas ela gostava tanto das calças assim, com aqueles rasgões feios, que eu tive de me lembrar da minha adolescência e das calças (demasiado) rasgadas que usava, para desgosto da minha mãe, e vi-me forçada a fazer-lhe a vontade de remendar aqueles rasgões.

mas ela tinha um plano. não queria que fosse um remendo exterior, queria que fosse uma coisa por dentro, “a parecer que eram umas collans por baixo” e “deixar assim desfiado à mesma”. (socorro)

e assim foi. escolheu os remendos que quis e lá ganhou umas calças novas. hoje foi toda contente para a escola e eu, embora preferisse transformar aquilo em calções, até gosto do resultado.

IMG_6990(antes)

IMG_7062 IMG_7063(depois)

Advertisements

3 thoughts on “remendar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s